sábado, 5 de novembro de 2011

Miguel Nagib, sobre a doutrinação nas escolas: "o MP não pode fingir que não está vendo"

No vídeo abaixo, páginas do livro “Mamãe, como eu nasci”, citado por Miguel Nagib como um dos casos mais absurdos de doutrinação sexista.

video


O procurador do estado de São Paulo e fundador da ONG Escola Sem PArtido, Miguel Nagib, aborda, numa esclarecedora entrevista ao podcast Conexão Conservadora, a violação à liberdade de aprender e de ensinar em todo o país, por conta da explícita e unilateral doutrinação esquerdista nas instituições de ensino.

Evocando o Pacto de San Jose, Nagib destaca que o direito dos pais de conduzir a educação moral dos filhos está sendo atacado pelo Estado, pelas escolas e professores. “Na área sexual, se os pais não acordarem, irão perder totalmente controle de suas crianças”, afirma Nagib, avisando: “é preciso que as famílias se organizem, pois é muito difícil vencer essa batalha agindo de forma isolada. E o Ministério Público não pode mais fingir que não está vendo tudo isso acontecer”.
 
Escrito por Podcast Conexão Conservadora
04 Novembro 2011
Artigos - Educação
midiasemmascara.org

Nenhum comentário:

Postar um comentário